Foto Adriano Diogo
Buscar:
redessociaisBlogOrkutFacebookTwitterredes2

Povos Indígenas

ÍNDIOS EM ÁREAS URBANAS

A triste situação dos povos indígenas nas Américas e os problemas ambientais do continente têm a mesma origem: a colonização européia iniciada no século XIV. Assim como os ecossistemas, que foram castigados e modificados pela ocupação desordenada, estes bravos sobreviveram a guerras, massacres e extermínios no decorrer dos séculos.

Hoje os sobreviventes se encontram em duas condições. Existem os índios que permanecem em suas aldeias e somam aproximadamente 350 mil, segundo dados da Funai, e os que estão fora de suas terras e vivem em regiões urbanas. Entre 100 e 190 mil estão nesta situação.

Infelizmente alguns indígenas vivem em áreas periféricas, favelas, locais onde falta assistência básica de saúde e saneamento. “Para reverter esse quadro não basta a atuação da Funai e dos ministérios que compõem a política indigenista do Brasil. É preciso uma atuação efetiva dos governos locais e estaduais”, afirma Adriano Diogo que quando esteve à frente da Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente desenvolveu uma política de aproximação com os povos indígenas.

Estima-se que cerca de 20 mil índios vivam em São Paulo. Esse número pode variar muito, uma vez que os dados disponíveis são controversos e os critérios censitários utilizados diferentes. Apenas no município temos quase 3.000 índios das etnias Guarani, Pankararu, Kariri-Xocó, Terena, Guajajara, Pankararé, Fulni-ô, Kaxinawá, Xavante, entre outras.

“A partir do canal direto de comunicação que criamos com as populações indígenas foi possível conhecer suas necessidades e criar políticas públicas específicas. Foi também estimulada a atuação dos índios nos mecanismos de participação popular do governo”.

Como resultado deste processo, a Prefeitura de São Paulo, na gestão do PT, criou três Centros de Educação e Cultura Indígena (CECI): um na aldeia de Jaraguá Ytü, em Pirituba (zona norte), e outros dois nas aldeias Krucutu e Tenonde Porã, em Parelheiros (zona sul). Cabe ressaltar que os CECIs de Parelheiros estão situados na Área de Proteção Ambiental Capivari Monos, criada em 2001 para ajudar a preservar as reservas indígenas.

Moradores da Aldeia Krukutu e o Adriano comemoram a instalação de uma linha telefônica em 2003.

Moradores da Aldeia Krukutu e o Adriano comemoram a instalação de uma linha telefônica em 2003.

  • Usina de biogas
  • Atlas ambiental do municipio de Sao Paulo
  • Historia ambiental da Zona leste
  • jogo da Memoria
  • Usina de ideias

Adriano Diogo©Todos os direitos reservados