Escolha uma Página

Em novembro de 2017, foi eleito Coordenador do Setorial de Direitos Humanos do Partido dos Trabalhadores.

Com a experiência de quem resistiu ao golpe de 1964 e combateu a ditadura, e participou das principais batalhas da democracia brasileira desde essa época, ele quer voltar à Alesp neste momento em que a democracia brasileira precisa ser refundada após o golpe de 2016, que trouxe tantos retrocessos sociais, políticos e jurídicos.